BEDA #2 – Estações

Caso queira saber o que é BEDA, veja aqui.

ESTAÇÕES
Primavera, tempo de renovar
As árvores brotam, as flores desabrocham
Os pássaros começam cantar
Em nós, o amor de Deus renasce
Em nós, a esperança se renova

Verão, tempo de semear
A terra está pronta para plantar
Tempo de crescimento e do auge
E a chuva chega a transbordar

Na vida, as estações são iguais a natureza
Deus manifesta sua glória nelas
Deus manisfesta sua glória em nós

Outono, tempo de colher
As folhas secam e caem
Tempo de poupar e planejar
Como resistir ao inverno
Que logo irá chegar

Inverno, tempo de esperar
A natureza se vê sem cor
Tempo de refletir, tempo de adorar
Tempo de ser fortalecer, de se revigorar..

NOTA: Eu me propus postar poemas às terças-feiras, durante o BEDA.

O poemas fala de estações. Eu tenho consciência de que hoje elas não estão tão bem definidas, como mostram os livros . Eu moro no interior do sertão, onde há apenas duas: tempo seco e tempo chuvoso.Por isso, não se trata de algo literal, apenas literário, poético.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s