Sobre o blog

Follow my blog with Bloglovin

“A favor do Reino” – É incomum ter um título como este em um blog. Ele cria várias questões na mente de quem não está acostumado com esta linguagem. Poderia se questionar: Por que a favor de um reino? Que reino é este? Seria algo de cunho político/partidário ou um movimento ideológico/econômico? Onde fica? Quem o governa? Pois então, aqui vai uma descrição para tentar sanar estas e outras perguntas.

O tema veio a partir de uma leitura do Evangelho de Lucas 11:23: “Quem não é a meu favor, é contra mim; e quem não me ajuda a ajuntar, está espalhando”. Quem disse esta frase foi Jesus. Este verso se encontra no episódio em que os religiosos judeus acusaram-no de expulsar demônios pelo poder de Belzebu e não pelo de Deus (Lucas 23: 11-23).

Jesus respondeu que aquilo que diziam não fazia sentido, pois “todo o reino que é dividido contra si mesmo, será assolado e toda a casa que é dividida contra si mesma, cairá“. Se Ele estivesse expulsando demônios pelo poder de Satanás, este então estaria enfraquecido, pois lutariam contra seu próprio grupo e assim seria mais fácil ser derrotado ou destruído.

Jesus afirmou que se os demônios eram expulsos era porque o Reino de Deus havia chegado até eles! O Reino de Deus se manifestou entre as pessoas. Se o império das trevas oprimia as pessoas, fazendo-as sofrer, um reino com um poder mais forte chegou para libertá-las! Cristo veio para “levar boas notícias aos pobres, anunciar a liberdade aos presos, dar vista aos cegos, libertar o que estão sendo oprimidos e anunciar que chegou o tempo em que o Senhor libertará o seu povo” (cf. Lucas 4:18; Isaías 61:1-2 – NTLH).

O Reino de Deus pode ser entendido como “uma nova ordem de vida pelo governo soberano de Deus na pessoa de Jesus Cristo”. Onde a vontade divina é cumprida, o Reino se manifesta. Também implica o domínio soberano, a autoridade e o governo real na vida das pessoas, não se limitando a um espaço geográfico específico ou às barreiras sociais, estando aberto àqueles que desejarem se submeter ao senhorio de Jesus Cristo.

Apesar de existir por toda eternidade, a sua inauguração ocorreu quando Jesus veio a este mundo como ser humano, para que fosse restaurada a ordem estabelecida no princípio e interrompida pelas rebeliões incitadas pelo príncipe das trevas. Chegou mostrando a salvação e a transformação na vida daqueles que ouviram e creram na mensagem real. No entanto, o que pode ser visto e ouvido, é apenas uma amostra do que há de vir; Não veio em plenitude, de maneira total – isto se dará quando Jesus vier novamente, como um Rei Magnífico, com poder e grande glória, assumir o seu posto e dar fim a todos os que opuseram à Sua Majestade e às consequências desastrosas que lhes causaram no Universo. Quando isto ocorrer, a restauração será completa e este reino será estabelecido por toda eternidade.

Este Reino também não é algo humanamente político ou pertencente a um lado partidário ou a ideia de uma sociedade ideal. Está no meio de nós e dentro de nós (Lucas 17:21). “Não consiste em palavras, mas em poder” (1 Coríntios 4:20); Poder de transformação e restauração, provindas do Altíssimo.

Logo, quem está “a favor do Reino”:

Está ao lado de Cristo;

Carrega consigo a sua causa e a sua bandeira sobre si;

Deseja que este se manifeste a sua volta e sua realidade seja transformada;

Deseja a sua expansão e anseia por sua consumação plena.

Diante de tudo isto, o objetivo do blog é “compartilhar histórias, artigos e testemunhos de pessoas e grupos comprometidas a estarem a favor do Reino de Deus, demonstrando que este Reino chegou às suas comunidades, contribuindo para a sua expansão.”

7 comentários sobre “Sobre o blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s